20 junho 2007

Editora exemplar

Eu soube de uma notícia que me deixou positivamente espantado. São informações que atestam a força do mercado de mangás nos Estados Unidos e ainda servem como exemplo de planejamento editorial de alto nível.

A Tokyopop, maior editora de mangá dos EUA, já anunciou alguns de seus lançamentos pra 2008, com dia e mês detalhados de chegada às comics shops.
São nada menos que 38 títulos, a maioria dos quais produzida lá mesmo pela nova geração de artistas que os quadrinhos nipônicos criaram naquele país.

Agora vem o mais incrível: esses 38 títulos não chegam nem perto da quantidade que a Tokyopop irá lançar no próximo ano. O número é apenas das HQs que a editora já pode anunciar como favas contadas em seu mix e que não correm o risco de atrasos (aqueles que precedem o anúncio de "reprogramado para uma nova data") .

Trocando em miúdos: ainda há mais de trezentos títulos, entre minisséries, maxisséries, edições especiais e HQs de linha, aguardando o fechamento de contrato pra serem divulgados como lançamentos de 2008.

3 comentários:

Pedro disse...

Uma coisa a mencionar: Na época em que boa parte dos lançamentos de mangá no Brasil estavam atrasando, segundo as editoras pela demora na aprovação das capas pelos japoneses, uma editora francesa minúscula chamada Asuka começou a publicar uma série do Osamu Tezuka, "O Garoto de Três Olhos".

O interessante é que, ainda ANTES do lançamento da PRIMEIRA edição, eles publicaram no fórum do site deles as capas de todos os volumes da série, que já tinham sido todas submetidas aos japoneses e aprovadas! A editora francesa tinha na época três funcionários...

Por isso que essas desculpas não colam comigo!

Hunter (Pedro Bouça)

Sidney Gusman disse...

Hunter, não sei hoje, mas na minha época de Conrad a aprovação era demorada, sim.

Tanto que fazíamos 6, 8 capas de uma vez para que eles aprovassem "por lote".

Pedro disse...

Sim, mas se isso é feito com grande antecedência, deixa de ser um fator.

Tipo esperar aprovarem 10 capas antes de publicar a PRIMEIRA edição. Daí submeter mais 10 logo aprovadas as anteriores e assim por diante.

Que os japas estão cagando para a gente todo mundo já sabe, a questão é já trabalhar com esse tipo de coisa em mente!

Hunter (Pedro Bouça)