22 junho 2007

E agora, Homem-Aranha?

Peter ParkerNessa altura do campeonato, acredito que você, que está lendo essa postagem, já assistiu ao filme Homem-Aranha 3. Caso negativo, aviso que vou entregar abaixo uma (péssima) surpresa da divertida película.

Peter Parker descobre que não teve culpa pela morte de seu Tio Ben. O vilão que ele deixou escapar, em Homem-Aranha 1, não foi o assassino. Na verdade, foi o Homem-Areia, inadvertidamente, que o fez, como ele explica para Parker.

Pensemos: o que motiva o Aranha, desde sua criação? Sua culpa, porque, afinal, “Grandes poderes trazem grandes responsabilidades”. Mas não é mais culpa dele! Então, por essa lógica, “Grandes poderes não trazem coisa nenhuma”.

Ele pode pendurar as chuteiras. Ou as teias. E melhor: sem peso na consciência.

Mancada, não?

11 comentários:

Hellequin! disse...

Po, a culpa continua sendo dele sim, pois se não tivesse deixado o bnadido escapar, o tio Ben não teria morrido. A cena do filme deixa isso claro né.
abraços

Marcus Ramone disse...

O filme inteiro tem um monte de mancadas. Achei fraquinho de roteiro, mas duca nos efeitos especiais.

Hotcity Comics disse...

Ufa, não foi só eu que pensei nisso! Realmente essa foi uma "das" mancadas fortes do filme.

É isso que dar ficar forçando os outros a fazerem coisas que não querem, se tivessem deixado o sam raimi fazer o que bem quisesse aposto que o filme não teria sido tão sofrível.

fazer oque?

alan bariani

Leandro Robles disse...

Disconcordo totalmente!! Mancada?? Cês tão malucos? Foi genial. Primeiro que não tirou a responsa do cabeça de teia, como disse o Hellequin. Segundo que tudo isso foi pra culminar na frase do Parker pro areia, no final: "Eu te perdôo." De arrepiar.

O aranha foi pro lado negro e se tornou capaz do que ninguém imaginava. Machucar a MJ, por exemplo. E virar emo, como outro exemplo.

Isso quebrou o maniqueísmo típico de heróis e culminou no "eu te perdôo". Essa frase foi fodida, e foi a atitude mais nobre e heróica do aranha de todos os tempos, mais que salvar ônibus caindo de pontes e coisas do gênero.

Não sei porque tanta gente falando mal do filme. É o melhor dos 3!

Marcello disse...

O Areia só matou o ben por que o bandido anônimo deu um encontrão nele. Continua culpa dele!

Sidney Gusman disse...

Robles, você está tirando sarro, né? De longe, o mais fraco dos filmes do Aranha.

Leandro Robles disse...

hahahahahaha!
Sidão, como você mesmo disse, vamos falar de fanzines. É muito melhor do que ficar resenhando o Homem-Aranha! Abraço.

Leandro Robles disse...

Pô, já vi que só vai vender uma cópia do DVD desse filme... Só eu gostei dessa porcaria? Tudo bem. Em algumas outras rodas de conversa também lembro de acontecer isso, quando descubro que só eu ODIEI Batman Begins...

Sidney Gusman disse...

Robles, você virou o Do Contra? Hehe!

Hellequin! disse...

Concordo com o Leandro, o perdão do HA foi uma ótima sacado do filme, de arrepiar mesmo...a capacidade de de perdoar anda meio esquecida, até mesmo pelos heróis.

Mas entre os três filmes, considero o 2º com sendo o melhor.
abraços

Renato disse...

Eu sou leitor do UHQ e jornalista em João Pessoa (tenho uma crítica semanal sobre quadrinhos, inclusive). Desculpem eu me meter no papo, mas deixa eu dizer que acho o segundo o melhor filme e que tinha medo desde que vi os trailers que tirassem a culpa do Parker, mas resolveram isso esplendidamente bem.
Gosto muito do 3, acho que está no bom nível da série, embora não seja o melhor.