05 junho 2008

Mudança (significativa) a caminho no mercado?

Um burburinho forte está agitando os bastidores do mercado de quadrinhos do Brasil. Ainda não dá pra adiantar detalhes, mas se o que se ventila se concretizar, será uma chacoalhada brava. A chamada bomba! Tanto em bancas, quanto em livrarias.

O Universo HQ está acompanhando tudo de perto. Se o boato virar fato, nossos leitores logo serão informados.

125 comentários:

José Aguiar disse...

Nós, autores e leitores aguardamos com ansiedade essa mudança!!! Contanto que seja para melhor!

Anônimo disse...

A Panini vai tirar a Marvel da Mythos e passar pra Ediouro.

Igor disse...

Valeu, Sidão, por deixar todo mundo curioso com o post mais vago do blog até então. =P

Hehehehe,

Bone

Cristiano disse...

Pelo menos dá pra falar se é uma coisa boa ou uma catástrofe?

Cláudia Dans disse...

Sidney, não dá pra dar uma dica, uma pista? ou você quer que a gente morra de curiosidade? rsrsrs

Anônimo disse...

Pô... mas ao menos vcs poderiam nos preparar antes, né? Só pra sabermos se nossas coleções vão pro buraco, se vamos ter um ataque cardíaco ou dar pulos de alegria. Pq não parece coisa boa, pelo post.

Alex Pereira disse...

Aumento de preços??
Cancelamento de títulos?
Mudança de editora (odeio isso)??

Marcelo disse...

SENCURA NOS QUADRINHOS?

Alex Pereira disse...

O governo brasileiro está colocando imposições?? (com um governo desses... tsc tsc. Tudo é possível.)

Marcelo disse...

Quero dizer
Censura nos quadrinhos?

Anônimo disse...

Sistema de venda direta igual nos EUA?

Anônimo disse...

Já falei... a Marvel vai pra Ediouro. Enfim, após quase 30 anos, vamos nos livrar de Jotapê, Helcio e cia.

Anônimo disse...

Pra não comentar detalhes, nem precisava ter postado isso...

Victor disse...

Desde que parei de comprar quadrinhos no Brasil, minha curiosidade a respeito desse tema é meramente "científica". Já há muito tempo reviravoltas desse tipo deixaram de me entusiasmar ou decepcionar. Abraço.

Sidney Gusman disse...

Pessoal, perdão, mas sem dicas... ainda.

Ô, povo curioso! :-)

Cláudia Dans disse...

Poxa vida, Sidney! Assim vamos morrer de curiosidade mesmo! rsrsrsrs

Anônimo disse...

A Panini vai começar a vender edições digitais...

Anônimo disse...

A Panini vai passar a Marvel pra Ediouro, que tem gráfica própria, e despolarizar a coisa pro Rio. A Marvel vai voltar pro Rio de Janeiro. Mas o Sidão vai ser o editor-chefe, vivendo de ponte-aérea. Da cambada da Mythos, só a véia do café vai pra redação do Rio. Carioca não sabe fazer café.

Gandalf disse...

Mais uma do estilo "a DC vai pra Pixel"?

Marcelo Naranjo disse...

Gandalf, a Vertigo/Wildstorm são de quem? Da Dark Horse?

Sidney Gusman disse...

Gandalf, se mesmo após minhas matérias você não entendeu o lance da DC na Pixel, eu desenho.

*G* disse...

Vão liberar os scans?

Anônimo disse...

Fontes seguram me garantem que é a volta do Formatinho! Agora vai!!!!

Marcelo disse...

Eu sou do tempo do formatinho, tenho um monte lá em casa, na época quando começei a colecionar quadrinhos em formatinho os X-men estavam nas mãos de Jim Lee, Homem Aranha com a vida estavel,(antes da bagunça Saga Clone), o Hulk se auternava entre o sinza e o verde, O capitão America estava largando o soro do Super Soldado, a Morte e o Retorno do Superman e a Queda do Morcego, bons tempos do formatinho que não voltam mais, hoje ainda coleciono quadrinhos mas republicações de classicos e o Selo Vertigo

Anônimo disse...

A Panini vai lançar a HQ da Preta Gil :D

Anônimo disse...

Só espero que o Sidão, que é um sujeito culto e inteligente, quando estiver lá na Ediouro, tenha o bom senso de convidar gente que realmente entenda do riscado pra trabalhar na redação, e não Lopes-Ogs-e-Levís da vida.

Marcelo Naranjo disse...

Prezados leitores do blog do UHQ: Depois de uma discussão online com uns doidos aqui nos comentários do blog (tecnologia é um espanto!), acabo de ativar a moderação de comentários, então quando alguém escrever algo, deve apenas demorar um pouquinho pra aparecer online, ok? Grato pela atenção! Abraços.

Anônimo disse...

Vai ver, as HQs agora serão publicadas no meio da revista Criativa...

Ow, mas vem cá, pelo jeito esse boato não tem lá muito jeito de ser confirmado logo não, né? Pq já tamo no fim do dia e nada!

Sidney Gusman disse...

Anônimo, mas quem disse que tinha prazo para o boato ser confirmado?

Essas negociações - que estão em andamento (isso já confirmei) - costumam ser demoradas.

Sidney Gusman disse...

Anônimo (o da mensagem anterior à do Naranjo), estou muito bem profissionalmente na Mauricio de Sousa Produções, onde trabalho há quase dois anos. E sem intenção de mudar de emprego, que fique claro.

Anônimo disse...

Sidney, ninguém disse que tinha prazo não... é que eu tinha esperança de que fosse algo que já estivesse certo e só ainda não tivesse sido divulgado, e que vocês estavam tentando confirmar pra poder divulgar.

Mas se ainda tem negociação rolando, ainda deve demorar pra essa bomba cair.

Anônimo disse...

Que pena, Sidney. Então, quem será o editor?

Anônimo disse...

Será ótimo ler quadrinhos Marvel sem aquele ranço "patotinha do Conclave". Demorou!

Alex Pereira disse...

Negociações????


Então se trata de mudança de editora??

Se for isso... putz... não gostei. No Brasil será impossível uma publicação passar do número 340 500 600 por causa dessas mudanças...

West disse...

Tem a ver com Disney e Abril? 50 anos depois acaba o casamento?
Pixel não é, nem Panini (a não ser que seja essa do Anônimo - mas é coisa de produção).
Por mim, queria que fosse uma notícia assim: Companhia das Letras/Ed. Record/Cosac Naify ou alguma editora de primeira classe compram direitos da Humanoids, Dargaud, Fantagraphics, IDW, Dark Horse e Bonelli e entram de sola no mercado brasileiro.

Douglas disse...

Sidney, é com tristreza ou alegria que vc está vendo essa "mudança"?

Só especulando... hehehehehe

alexguima disse...

espero que não seja nada com a pixel, senão paro de vez...

Anônimo disse...

Se uma negociação está em andamento, boato não é... é uma negociação que pode ou não dar errado.

ou como diria o Robin: Santo sensacionalismo Batman.

gustavo bruno disse...

ah eu nem fiquei curioso não...




...

...

...

...!

Floripes disse...

Prá chachoalar mesmo o mercado, a notícia seria a de que a Panini, diante das vendas sempre em queda, decidiu juntar-se às grandes editoras e desistir dos quadrinhos, deixando como editoras no mercado somente as microeditoras (Mythos, JBC etc). Sem ofensa quanto ao micro. Micro de microempresa.

Anônimo disse...

Mudanças em bancas e livrarias.
- Sistema de distribuição, provavelmente.

"Bomba". "Chacoalhada".
- Como o atual sistema é deficiente, a mudança poderá ser para melhor.

Ok, pode dizer que eu sou o Sherlock Holmes mais meia-boca da história.

Carlos

Crux disse...

Soh eu que reparei que a sessão plantão de duvidas da marvel no forum panini foi trancado a mais de um mes
Isso pra mim é um indicio muito forte de que a panini ja a algum tempo está sem saber do futuro do selo marvel na editora.

KAMIKAZE disse...

Tava comentando com um amiga e chegamos às seguintes conclusões:


- Editora nova? Abril ou Globo de volta ao mercado de Quadrinhos? NÃO - Isso não seria BOMBA em bancas e livrarias.

- DC, Vertigo, WS, Marvel mudando de editora? NÃO - Que bomba afetaria livrarias?

- "Quota" Nacional? NÃO - Isso dependeria de lei, e não de negociação...

- Fim de mixes? NÃO - Isso daria mais custo e menos lucro

- Mercado direto? NÃO - Nem as matrizes fazem isso, imagina se o contrato de cessão de publicação permitiria...


Nossa aposta é uma Distribuidora nova concorrente da DINAP, ou algum novo tipo de distribuição que substitua a SETORIZAÇÃO...

Guilherme Neto disse...

Seria a criação da revista Universo HQ?

Se sim, seria ótimo! Me contratam (sou jornalista recém formado)???

Anônimo disse...

Eu ñ sei se isso tem haver, mas a editora Escala ta mudando de nome e da criando uma nova distribuidora. pok sera k eles estão mudando?

Crux disse...

Sadowsky, para de postar como anonimo. E conta os pormenores dessa mutreta. hehe

Sidney Gusman disse...

Pessoal, não posso responder sobre esses "chutes" - quase todos passaram longe. O jeito é esperar.

Sobre como eu vejo essa notícia para o mercado, se eu colocar aqui o que penso, ficará mais vago ainda, pois, se concretizado, o lance tem dois lados bem distintos.

Anônimo disse...

Só tem uma resposta pra isso, nós leitores vamos sair prejudicados :P

Anônimo disse...

Estou ansioso pra saber o que é...

Franchico disse...

Deus do céu, chega tô ofegante aqui depois de ler o post e todos esses comentários especulativos e o Sidney só se desviando do tiroteio que nem Neo do Matrix. Assim não dá, acabei de chegar no trabalho e já esqueci tudo o que tinha que fazer hj, por que só consigo pensar no que pode ou não pode ser essa mudança tão significativa. Assim eu perco o emprego, caceta! ;-) Dá uma dica aí, Sidããããão!!!

Lielson disse...

meu chute:
Marvel ou Dc saem da Panini e vão pruma editora espanhola nova que quer entrar de sola no mercado, com distribuição própria.

por que eu acho isso?
- a Dc demonstrou interesse, há algum tempo atrás em ter "representantes" diferentes, em nome de maior atenção aos seus títulos

- as editoras espanholas estão crescendo enlouquecidamente e virando multinacionais cheias da grana. daquelas que aportaram no Brasil recentemente (que eu lembro) nenhuma apostou em HQ - Alfagarra e SM.

- a distribuidoras nacionais viraram uma só e seria uma boa entrar num mercado que dá um lucro do cão - além de baratear suas próprias despesas.

Parabéns, sidney, conseguiu criar a postagem mais comentada do blogue!
:>)

Anônimo disse...

Bom, agora, temos o que discutir para muito tempo. So falta o pessoal começar a especular a respeito da DC, pois os encadenados da comemoração dos 70 anos estão atrasados...

Cristiano disse...

Mudando um pouco de assunto, será que hoje não tem reviews no UHQ?

Sidney Gusman disse...

Pessoal, sem pistas enquanto eu não confirmar algumas coisas. Umas já confirmei. Faltam outras.

Mas me impressiona uma coisa: os leitores que mais ficam aflitos são os apreciadores de UM determinado gênero.

Esse mercado não se restringe a apenas UM gênero ou UMA editora.

Eric disse...

ah, querem saber? vou chutar um palpite também.

Tem a ver com o número de títulos/revistas em quadrinhos que tem crescido muito ultimamente? Algumas bancas poderiam ser tomadas só pelos gibis. O problema é que eu vejo muitos números encalhados... não é todo mundo que compra todas as revistas!

eu pensava que era algo realionado aos direitos do Superman, mas o Sidney já disse que não afetará só UMA editora...

Victor disse...

huahuahua! Agora sim que o Sidão deixou o pessoal mais grilado ainda! Conseguiu aumentar o mistério! eheheh

Alex Pereira disse...

hmm... será que tem alguma coisa a ver com mangás ou europeus?

Cláudia Dans disse...

Bem lembrado, Cristiano! Hoje não tem reviews não, Sidney?

Anônimo disse...

Eric, o Sidão disse que "o mercado não se restringe a UMA editora", não disse nada "que não afetará só UMA editora". São coisas diferentes.

Fernando Chakur disse...

EXTRA EXTRA!!!

E agora as notícias urgentes com o nosso garoto do tempo:

Raphael Fernandes

É com você garoto!

Raphael Fernandes disse...

Diferente do Sidão e do pessoal que se vangloria de uma ética no mercado de quadrinhos.

Eu vou revelar tudo o que está acontecendo de pior no mercado de
quadrinhos no Brasil!

Aguardem meu próximo post!

Sidney Gusman disse...

Tem, Cláudia. Devem entrar 10 resenhas daqui a pouco.

Eric, o que eu disse é que o mercado não se restringe a apenas UM gênero ou UMA editora.

Isso porque alguns acham que tudo que acontece no mercado se resume a UMA editora apenas.

Victor disse...

Certo (ehehe) primeira pista dada: não tem nada a ver com a Panini. ;-)

Renato! disse...

Sidney, apenas pra evitar que eu tenha um infarte aqui, por favor confirme que a Panini continua com a Marvel e a DC no Brasil!

Victor disse...

Aliás, incrível, mas o Gusman fez um milagre com esse post: nem com Guerra Civil e com Invasão Secreta eu vi tanto fanboy brazuca intrigado e aflito. A Marvel deveria contratar o Sidão para divulgar os próximos mega-eventos! E olha que ele nem usou uma só imagem para causar alvoroço: nem precisou colocar um desenho do Jotapê com pele verde e queixo na forma de sanfona!

Rogério Faria disse...

Pessoal,

A BOMBA é a seguinte: a Maurício de Sousa Produções, onde o Sidney trabalha, enfim, vai me contratar para a Turma da Mônica. (Ah! Eu sabia!!! Obrigado a todos que rezaram por mim!)

Vejam o que eu fiz: http://soliloquioinsipiente.blogspot.com/search/label/Roteiros%20de%20hist%C3%B3ria%20em%20quadrinhos .

Abraços!

Marcos Souza disse...

O mercado tá saturado de gibis, tanto que eu não consigo gastar menos de 300 reais para manter as coleções... Tá foda! Será que vão "inventar" uma fórmula de diminuir a demanda de revistas em relação a proporção de leitores que consomem. Acho que deve dar muito encalhe para algumas publicações. Sidão, véio... Espero que suas fontes lhe passem logo o veredicto.

Marcelo disse...

Pelo visto Sdney você deixou todos intrigados

O que eu espero que eu continue colecionando as revistas atualmente.

Superastros Superman
Superman
Pixel Magazine
Fabulas Pixel
100 balas

E os especiais

Sandman
Preacher
Os Invisiveis
O Monstro Do Pantano

Se nada meter o bedelho nesta lista que eu coleciono esta de bom tamanho

HOM disse...

Aposto que não é nada relacionado com Super-Heróis.
Quadrinhos não é só isso povo!!

HOM disse...

DISNEY!!!
Esse é o lance!
Vamos ver se meus oráculos são bons ainda, ou estão fora de forma. ;OP

Anônimo disse...

50% das HQs terão que feitas no Brasil. Desses 50%, 99% terão ser do PT ou pagar a propina exigida pelo partido dos mensaleiros.

Anônimo disse...

A Disney está fechando as portas lá fora, também, provavelmente acabou o material aqui do Brasil (se é que ainda produzimos esses gibis, como nas décadas de 70, 80). Mas, que diabos de bomba mais fria seria essa! Está pior que aquela luta besta do Sr. Frio com Batman no filme Batman e Robin! (“Santos mamilos triplos, Batman!”). Eu até gosto do material infantil, sempre foi um mercado produtivo e rentável tanto para gibis como para literatura, porém, não me surpreenderia se a notícia fosse essa...

Legal mesmo seria se alguns editores europeus investissem em grana para que produzíssemos nossos próprios materiais, acabando com essa síndrome de importação – começando, assim, a era da exportação! Mas, quem compraria esse material? 99% dos fanboys brazucas “odeiam HQ brasileira”, muitos sem nunca terem lido qualquer coisa!

Material europeu (de Tintin à Bonelli), mangá (ou aqueles clones coreanos) e infantil devem estar dentre os alvos certos “da bomba do Sydão”... mas, volto a repetir, [ironia mode on] quem se importa com isso? [ironia mode off]

Bomba mesmo se a gente descobrisse que quem socou a realidade em Infinite Crisis foi o Popeye e não o Superboy (sim, esse é o nome certo!), agora a DC vai ter que reescrever sua história colocando torta de espinafre como a verdadeira causa da morte de Barry Allen (disenteria é f*da!); e o Billy Batson vai ter que gritar “Olíviaaaaa!”, toda vez que quiser se transformar no Capitão Marvel. Ou, finalmente, descobriram que o Sydão é um skrull... assim como Elvis e a Madre Teresa.

Fui!

Raphael Fernandes disse...

O mistério por trás de todo esse burburinho, não é a mudança de editorias ou distribuição, é...

O lançamento da MAD 4!!!

Imperdível!

Não sei como ninguém adivinhou!

Sidney Gusman disse...

Anônimo, a bomba não é minha. E não sou skrull, pode ter certeza. ;-)

Pedro disse...

Bem, eu tenho uma bomba: Na nota sobre o lançamento de Rapaces o Naranjo curiosamente misturou o nome do escritor (Jean Dufaux) com o da editora (Dargaud). Corrijam, por favor!

Hunter (Pedro Bouça)

Bruno Portugal disse...

É o seguinte: a JBC vai fundir com a Conrad e trazer todos os mangá publicados no Japão para o Brasil, ao mesmo tempo!

Anônimo disse...

"Cidade... maravilhosa... cheia... de encantos mil..."

Rafael "Lupo" Monteiro disse...

Sou fã do UHQ, mas me vejo obrigado a falar que esse post foi totalmente desnecessário.

Ele não noticiou nada, e ainda abriu portas para todo tipo de especulação. Cadê os fatos? Jornalista tem que trabalhar com a verdade factual, ou estou enganado?

Enfim, achei que vocês mandaram mal nessa, mas isso não atrapalha o bom trabalho que sempre fizeram.

Um abraço!

Cidão disse...

Um passarinho me contou que pode ser algo a ver com a distribuição, Dinap está tentando comprar a chinaglia mas o Cade não permitiu pois seria monopólio, mas eles estão tentando dar um jeito, e com isso, a Abril ferraria a Panini.
Logo uma nova distribuidora deve estar nascendo, com o dedo da Panini e talvez, em conjunto com a Escala.

Anônimo disse...

Ok, talvez você não seja, mas o Elvis e a Madre Teresa, ainda estão na lista!

Ah, não quis insinuar nada com "bomba do Sydão", foi só um jeito coloquial de escrever a frase, ok?

Até.

Bu disse...

rodrigo

Victor disse...

Bem, se tem algo a ver com a Disney ou com o sistema de distribuição então está longe de ser uma "bomba" e a intensidade dramática do post vai deixar os fanboys indignados. Os quadrinhos Disney anda mal das pernas inclusive lá fora, então todo mundo já tá careca de esperar a derrocada final, sem supresa alguma. Quanto à distribuição, eu cheguei a cogitar essa hipótese do CADE, mas eu achei que qualquer decisão da autarquia (cuja legislação conheço de cor e salteado) quanto à incorporação/fusão da Dinap e Chinaglia, estaria anos-luz de ser uma bomba ou "chacoalhada brava" - na verdade só iria afetar alguns fanboys que não aguentam esperar três meses para ver o hulk socar o sentinela. Afinal a questão de ser a novidade uma 'bomba' e uma 'chacoalhada brava' pode ser relativa: depende do observador. Goste-se ou não, o UHQ e seu blog são visitados, em sua esmagadora maioria, por fanboys que no fundo no fundo querem mesmo é saber de heróis Marvel e DC, então qualquer novidade que não afete a Panini para eles jamais será uma bomba (no máximo uma espoleta). Sob essa perspectiva, qualquer notícia a respeito de mangás, banda desenhada ou Disney terá sido, para eles, como dizia o velho bardo, much adoo for nothing.

Marquito Maia disse...

"Cadê os fatos? Jornalista tem que trabalhar com a verdade factual, ou estou enganado?" (2)

Será que dessa vez vai?

Raphael Fernandes disse...

Nada melhor do que se aproveitar de uma polêmica qualquer pra fazer um jabá!

Por favor, compre a MAD!

Acredito que essa bomba será a compra da antiga Ebal pela família real da corte portuguesa, que vai publicar as aventuras de Borba Gato e relançar todas as histórias da Edição Maravilhosa!

Obrigado, Sidão! Pelo espaço publicitário!

Por favor,leiam a Mad com ranço e tudo!

Anônimo disse...

O Brasil vai ter uma distribuidora de quadrinhos igual os EUA. Algo como a Diamond...As revistras vão sair com a quantidade certa para as bancas, dependendo do nº pedido pelos revendedores...essa é a bomba.

Sidney Gusman disse...

Hunter, isso não foi uma bomba, foi uma cagada master. Valeu pelo aviso.

Para os aflitos de plantão, reitero para a última frase do meu post: "Se o boato virar fato, nossos leitores logo serão informados."

Frederico Soares disse...

Sidney, esse boato tem a ver com aquele outro de que a Record (a rede de

televisão, não a editora) quer entrar no mercado de quadrinhos com uma

parceria com a Ediouro? E que os títulos seriam adaptações das novelas Vidas Opoostas, Caminhos do Coração e Os Mutantes? O boato mais recente desse caso é que, para evitar processos, a Record estaria licenciando com a Record os títulos X, deixando a Panini atuar em bancas e a Ediouro/Record em álbuns exclusivos para livrarias (que seriam acompanhados de várias séries européias e argentinas).

Outro boato que ouvi é que a Planeta DaGostinni passaria a investir em quadrinhos no Brasil, já começando com uma enxurrada de títulos para bancas e livrarias. E que parte desse material seria inclusive títulos Bonelli atualmente publicados pela Mythos (Tex? Aposto mais em Mágico Vento ou em Júlia).

Não precisa confirmar nada. Apenas diga que o que você sabe de fato se ajusta a esses boatos ou é coisa diferente (ou não diga nada, assim a gente já entende que é direcionado a esses boatos).

Sidney Gusman disse...

Marquito, com toda certeza. Tanto que, na descrição do Blog, na coluna da direita, está escrito que aqui a proposta é diferente da adotada no site.

Por isso mesmo este post não foi publicado no Universo HQ. Porque ainda não se confirmou.

Mas o que me espanta é que, pelo visto, alguns leitores lêem APENAS quadrinhos, nada mais. Afinal, notas como esta saem diariamente em cadernos (e blogs) de política, esportes, economia etc. E todos mantidos por jornalistas.

Também me surpreende o tanto que alguns se exasperam. Parece que o mundo vai acabar... Seria a Crise Final? :-p

Anônimo disse...

Você vai dar a notícia só na quinta que vem, não é?

Anônimo disse...

Confirmado!

A Mauricio de Souza Produções passará a publicar as aventuras do Superman. O Mesmo será incorporado ao universo da Turma da Mônica. Em 04 de julho será lançada, internacionalmente, a mini-série especial de luxo popular (capa dura, formatinho, papel jornal e preto-e-branco): "Superman enfrenta o Capitão Feio".
Até dezembro será a vez do especial de fim de ano: Superman e Jotalhão ajudam o Papai-Noel a Salvar o Natal da Turma.

Sidney Gusman disse...

Anônimo 1, não tenho como precisar uma data para a notícia. De novo: negociações não têm data "definida" para acabar.

Anônimo 2, errou. Aí, seria o Superomão! :-)

Anônimo disse...

1. Compra de editora:
Pablo Miyazawa:
"Tem uma editora brasileira, que ficou famosa há uns anos com suas publicações voltadas para o público jovem, sendo adquirida por uma outra editora, maior, mais tradicional e bem consolidada. O negócio logo vai ser anunciado e, conforme afirmam as fontes, foi muito bom - financeiramente falando, claro - para a parte comprada."

http://gamerbr.blig.ig.com.br/


2. Distribuidora nova, liderada pela Escala:

http://clubeonline.com.br/ultimas/noticia.php?id=28534

http://clubeonline.com.br/ultimas/noticia.php?id=28603

EJT disse...

Essa da Ediouro substituir a Mythos me parece a mais consistente até agora... seguida pela do Planeta DeAgostini. O que será, heim?

Guilherme Neto disse...

Seria a compra da Conrad por outra editora?
Seja isso ou não, parece que é isso que vai acontecer, pelo o que o Pablo Miyazawa falou no blog dele:
http://gamerbr.blig.ig.com.br/2008_06.html#post_19144246

Seria a Ediouro ou Editora Abril comprando? Ou outra? Chuto a Ediouro.

MetalRod disse...

Boa! Só pra deixar os leitores na curiosidade...uma dica pelo menos: pra melhor ou pra pior?

--> Grito Metal
--> MagazineMais.com
--> MetalAtitude.com

Anônimo disse...

Depois do rombo que a Pixel deixou na Ediouro de mais ou menos 300 mil reais acho improvável que a Ediouro compraria a Conrad que é de onde saiu os caras da Pixel também.

Mais provável a Abril ou a Globo ou até a Escala querer comprar a Conrad.

De qualquer jeito não deve ser nada demais. Os quadrinhos vão continuar saindo como sempre não importa que for a editora.

O pessoal aqui é muito desesperado.

doggma disse...

Hmm... o timing cuidadosamente bombástico do post, conhecimento de causa sobre a matéria ("Tanto em bancas, quanto em livrarias") e como única certeza a promessa de que os leitores são informados assim que algo se concretizar...

E o mais sugestivo: "(...) sem pistas enquanto eu não confirmar algumas coisas. Umas já confirmei. Faltam outras". Quem já se aventurou na saga de iniciar seu próprio negócio sentiu um déjà-vu aí.

Meu palpite é que o site está se diversificando e veremos uma Editora UHQ muito em breve.

Victor disse...

Espero que o chute do doggma não esteja certo. Isso significaria que o post no fundo foi um primeiro lance de marketing.

Lucas Pimenta disse...

A editora record volta de vez ao mercado de quadrinhos, trazendo os títulos bonelli ao formato italiano novamente, e trazendo mais material europeu, e relançando Asterix, com papel melhor!
Nesse meio vai haver o relançamento de História do Oeste!

Ou Jô Soares e Ziraldo doam as bancas de todo o Brasil, suas coleções particulares de quadrinhos... abastecendo o mercado de títulos raros por mais de 10 meses!!!

tá tá... eu sei que não sera isso... mais é só pra deixar recado!

Cristiano disse...

Pois eu gostaria muito que o doggma estivesse certo. Pelo menos, nada iria piorar no mercado, e teríamos a chance de ver material diferente à venda no Brasil (europeu, de preferência). Mas não acredito muito que seja isso.

Sidney Gusman disse...

Enquanto a confirmação não vem, mais um post pra inteirar cem! :-)

E, pessoal, adoraria que fosse algo ligado ao UHQ, mas não é. E nem teria a pretensão de achar que isso seria uma mudança significativa no mercado.

Mas que seria uma boa, ah, seria!

Cristiano disse...

Vc nunca pensou nisso, Sidão? Seguir o caminho do HQM? Acho que seria uma ótima idéia (pelo menos pra nós, leitores).

Eric disse...

Vou chutar mais um palpite:
Todas as editoras terão uma cota para produções nacionais E internacionais! Isso virá de uma lei doida que está em votação e que limitará a quantidade de títulos importados dentro de uma editora em proporção à quantidade de títulos nacionais. Ou seja, para continuar publicando muitos títulos vindos de fora, terão de aumentar a quantidade de títulos nacionais.

Chutei, mas... alguém entendeu alguma coisa? :-P hehehe

Sidney Gusman disse...

Cristiano, editando quadrinhos, não. Não ficaria à vontade, por exemplo, de ter resenha de um material editado por nós no site.

Mas fazer o UHQ virar papel já pensamos, sim. Quem sabe?

Papito disse...

J'a pensou q legal se essa bomba fosse a producao dos personagem famosos feito aqui, com artistas daqui, contexto e tal.

Anônimo disse...

O Sidney, ta uma dica pra mim...
Num precisa fla aki tbm manda pro meu email ;) USAHUAShAUShaSuhaASU
Tem a ver com a CONRAD certo??
(simsimsimsimsimsimsimsimsim)
manda aew pra mim sim??

OMEGA disse...

"Se o boato virar fato, nossos leitores logo serão informados."

E se não virar fato, vai dizer o que era, Sidney?

[]'s

Anônimo disse...

Seguinte macacada:

A BOMBA é que o Maurício de Sousa negocia com a Marvel direitos para HQs do Homem-Aranha, a serem produzidas no Brasil, no mesmo esquema das produzidas na Índia.
Simples assim.

BOOOOOOOOOOMMMMMMMMMM!!!!!!!!!

Rico disse...

Finalmente alguma editora vai lançar mortadelo e salaminho aqui no Brasil????????????????

Francisco disse...

Matei a charada!

Quando o Sidney disse:
"Esse mercado não se restringe a apenas UM gênero ou UMA editora."

Ele estava dizendo:

UM = Universo Marvel
UMA = Universo Marvel + Abril

Anônimo disse...

A bomba é que a Panini vai mesmo publicar personagens nacionais. E para promover a novidade, logo de cara vão lançar o crossover Marvel e Chiclete com Banana, onde Tony Stark tem uma recaída no alcoolismo depois de um encontro com a Rê Bordosa.

Anônimo disse...

Mais um chute:

A Editora Globo vai criar uma distribuidora própria para acabar com o monopólio Abril/Chinaglia/Dinap.

Eric disse...

Cara, eu me lembro mesmo do Maurício de Souza dizer que ia produzir umas histórias para o Homem-Aranha...
Mas isso chega a ser uma bomba? que vai chacoalhar? tanto em bancas quanto livrarias?
Entendo que realmente será fantástico! Fico curioso, imaginando uma história produzida pelo pai da Mônica.

Sidney Gusman disse...

Omega, se ficar no boato, não tem por que divulgar.

Francisco, vai ser criativo assim lá na Gália! E, não, isso não é uma pista! :-)

Vihuci disse...

Uma baita bomba:
A Panini tirar Disney da Abril e publicá-la!

João Defunto disse...

Pôxa Sidney, mesmo que o boato não se confirme, vai ficar uma coisa chata se você não informar do que se tratava.

Anônimo disse...

Quem está querendo comprar a Conrad? É a Ediouro ou a Planeta DeAgostini?
Será que assim os mangás se normalizam?

Leandro Augusto disse...

A única coisa que pode realmente chacoalhar um mercado com tendência histórica ao monopólio (Ebal, depois Abril, agora Panini), é a entrada de um concorrente de peso, com grande investimento, distribuição independente e preços mais acessíveis. Resta saber quem é o louco que vai peitar a gigante italiana. Globo? Abril, de novo?

O que rende assunto para outro post: Quadrinhos dá dinheiro no Brasil? Isto é, em quantidade suficiente para sustentar tiragens expressivas? Ou teremos que amargar ainda essa explosão de pequenos nichos, várias editoras, vários títulos, mas tiragens ridículas, distribuição reduzida e preços estratosféricos?

lcmpereira disse...

De acordo com o que andei lendo pela internet, é a fusão entre a Ediouro e a Conrad, ou mehor, a aquisição da Conrad pela Ediouro.

Cidão disse...

Uma nova distribuidora pode estar a caminho. Isso é fato!

Anso disse...

Só para botar mais lenha na fogueira, foi divulgado hoje no site da Anime Pró - www.animepro.com.br que "A Ediouro atualmente está em um estágio avançado para a aquisição de uma das principais editoras de quadrinhos do país, a Conrad Editora".

Não sei se é essa a bomba anunciada pelo Sidney ou se é apenas a ponta do iceberg.

Tomara que a volta do site do UniversoHQ já traga o anúncio oficial dessa bomba...

Inté

Levi disse...

Semana passada, postei um comentário, mas acho que não entrou por algum problema técnico.

Eu havia comentado que talvez quem apostou na associação entre a Conrad e a Ediouro possa ter acertado, pois foi noticiado pelo jornalista Paulo Ramos, do Blog dos Quadrinhos, que as duas empresas estão em conversação.

Quem quiser conferir, veja o link: http://blogdosquadrinhos.blog.uol.com.br/noticia/

Um abração,

Levi Trindade

Sidney Gusman disse...

Levi, vejamos o que realmente se concretiza.

Bliu Bliu disse...

a bomba maior não é a Ediouro comprar a Conrad.

é a Panini e a Ediouro se juntarem e comprarem a Conrad!

Não é isso Sidão?

Cidão disse...

Quase isso... essa é outra bomba além da distribuição.