16 maio 2007

Os quadrinhos europeus de ontem

Xará #1Esporadicamente, principalmente desde a década de 1970, sempre pipocaram HQs européias em nossas bancas, uma aqui, outra acolá.

Como este Xará, da Vecchi, título dado para a famosa série franco-belga Spirou, criada por Rob-Vel em 1938, grande sucesso na Europa.

Na trama, estilo infanto-juvenil, as movimentadas aventuras do jornalista Spirou e de Fantasio, um fotógrafo desastrado. Entre os coadjuvantes, o carismático Marsupilami, um bichinho inteligente que tem uma cauda que faz, literalmente, o que ele quiser.

Xará #2Infelizmente, essa série teve poucas chances por aqui. Além dos formatinhos da Vecchi de 1975 (acredito que são apenas dois números, com histórias dos criadores Franquin e Greg), também foi lançado, no ano de 1996, o álbum Luna Fatal, pela Editora Manole.

Errata: algumas horas depois dessa postagem, confirmei que a editora também lançou dois álbuns em formato grande, logo após os dois números em formatinho. Como descobri? Acabei de comprar um deles! Deve ser uma coincidência cósmica, ou algo do tipo.

10 comentários:

Marcus Ramone disse...

Gosto pra cacete de Spirou e Fantásio! Tenho o álbum Luna Fatal e mais uma porção de edições portuguesas.
Mas não tenho essas raridades tupiniquins aí. :-(

Pedro disse...

Eu nunca sequer VI essas edições!

Naranjo, já que você é o arqueólogo de plantão, me explique: Como é que "A Sombra do Z" tem 100 páginas se o álbum original tem menos? Eles completaram com outra história? Ou reformataram as páginas para caber no formatinho?

Hunter (Pedro Bouça)

Marcelo Naranjo disse...

Hunter,

Acertou na segunda opção! "A Sombra do Z" teve seus quadrinhos ampliados, ao contrário do primeiro número, "A Ameaça do Z". Talvez os editores tenham constatado que ficaram reduzidos demais, o que até prejudicou um pouco a leitura.

Ramone, de fato é dificil dar de cara com essas edições...

Pedro disse...

Imaginei...

Spirou em formatinho, Jesus! Como alguém pode cometer uma heresia dessas?

Hunter (Pedro Bouça)

José Aparecido disse...

Só mesmo sendo rato de sebo pra achar essas raridades, né não, Naranjo?
Abs

PS: pra quem tiver tempo e se interessar: na banca de jornais ao lado da entrada da estaçào vila Mariana do metrô tem uma ediçào da Camelot3000, da Mythos.Tudo bem que acho que não é nenhuma raridade mas já deveria ter sido recolhida e o jornaleiro se esqueceu de fazê-lo.Eu nào me interessei porque tenho os formatinhos da Abril e estào em bom estado e a quantidade de hqs que eu tenho pra ler é imensssssssa!!!
Abs

Marcelo Naranjo disse...

Hunter, acho que dá uma matéria das boas as heresias contra HQs no Brasil...

Grande Zé, dificil não é achar, é ter grana pra gastar!

E acabo de colocar uma errata nessa postagem, pois a série teve dois albúns formato grande pela Vecchi.

Pedro disse...

Quais foram esses?

Aqui na Lusolândia está saindo uma coleção de Spirou junto com o jornal Público (QUARTA série de álbuns que esse jornal edita!) e eu estou lendo material que dificilmente leria mesmo em francês.

A série é bem legal mesmo, mas esses dois álbuns do Z(orglub) devem ser os melhores!

Hunter (Pedro Bouça)

Marcelo Naranjo disse...

Hunter,

O primeiro (acho) que é Viagem a Pré-história, o segunto é A Mina dos Gorilas. Vou dar uma conferida.

Pedro disse...

Já sei quais são as histórias então.

André Portocarrero disse...

Eu tenho os 2 álbuns XARÁ da Vecchi de 1975. Excelente material....há...também tenho LUNA FATAL...outra tentativa