15 julho 2008

Vale muito a pena – Parte 1

Donnie Darko
Um estranho acidente: uma turbina de avião desaba de madrugada sobre uma casa - só que o avião do qual ela saiu não é localizado. Porém, o jovem que deveria estar no quarto atingido em cheio pelo objeto teve uma alucinação (ou um contato com algo – ou alguém) e não estava no local.

Esse jovem é Donnie Darko, que passa a ser atormentado por uma profecia do fim do mundo a partir de visões (paranóia?) e diálogos com nada menos que alguém vestido como um coelho. Em dado momento, ao perguntar para sua “visão” o motivo de estar usando aquela fantasia idiota de coelho, houve como resposta algo como: “Por que você está usando essa fantasia idiota de homem?”.

Entre diálogos bacanas, situações surreais e um final genial, Donnie Darko é um filme de 2001, com direção de Richard Kelly, e tem no papel principal Jake Gyllenhaal (de O Segredo de Brokeback Mountain), numa interpretação digna de elogios.

Com um clima algo “pesado” e envolvente, merece ser conhecido, em especial pela surpreendente parte final, digna de uma boa HQ da linha Vertigo.

Pra ajudar, uma ótima trilha sonora com sucessos da década de 1980. Abaixo, o trailer.

4 comentários:

Lielson disse...

cara, filmaço.
comprei no cestão da Americanas por 12,90.

faz tempo, mas vale a pena procurar...

Anônimo disse...

Também comprei esse filme a mais ou menos um ano, tenho em fita e em dvd.

Foda.

Delfin disse...

Melhor filme já feito sobre viagem no tempo. Sério.

Eu não tiro ele do meu micro.

Franchico disse...

Clássico da década, o Blade Runner (no sentido de cult) dos anos 00...