31 dezembro 2008

Melhores e piores de dezembro

E o ano acabou! Mas antes de “passarmos a régua” em 2008, tem o listão dos melhores de dezembro para cada integrante da equipe do Universo HQ. Mesmo em férias, aqui estamos nós!

Se alguns de nós leram pouco, como o Codespoti e o Barata, eu e o Nasi aproveitamos a parada de final de ano para colocar a leitura atrasada em dia, com milhares (sem exagero) de páginas de quadrinhos “devoradas”.

Então, sem mais delongas, vamos aos eleitos. Lembrando: as opiniões são pessoais e não precisam ser sobre um lançamento do mês. E não há mais limite para as indicações dos melhores, que não são listados necessariamente em ordem de preferência; e nem pros piores.

Ah, e um 2009 sensacional para todos os nossos leitores, com muita paz, saúde e quadrinhos!

Sfar fez uma baita HQ e uma senhora homenagem ao clássico de Saint-ExupérySidney Gusman

Melhores: O Pequeno Príncipe (Agir), Starman – Volume 1 e Surfista Prateado – Réquiem # 1 e # 2, da Panini, As Aventuras de Tintim – Vôo 714 para Sydney (Companhia das Letras), Blueberry - Apaches (Asa/Público), Sasmira - Tomo 1 - O Apelo (Meribérica/Liber) e J. Kendall – Aventuras de uma Criminóloga # 48 e # 49, J. Kendall – Aventuras de uma Criminóloga – Especial # 4, Mágico Vento # 73 e # 75, Tex Gigante # 20 – O Profeta Indígena e Hellboy - O Clamor das Trevas, todos da Mythos

Piores: Contagem Regressiva # 5 e # 6 e Prelúdio para a Crise Final # 4, todos da Panini

Um dos clássicos de Tintim, publicados pela Companhia das LetrasSérgio Codespoti

Melhores: 100 Bullets – Volume 8 – The Hard Way (Vertigo), de Brian Azzarello e Eduardo Risso, e As Aventuras de Tintim – Perdidos no mar e As Aventuras de Tintim – O caso Girassol, ambos da Companhia das Letras

Pior: nenhum

Outra grande HQ nacional no mercadoMarcelo Naranjo

Melhores: A Relíquia e Chibata! - João Cândido e a revolta que abalou o Brasil, ambos da Conrad, e O Cabeleira (Desiderata)

Pior: nenhum


Se você procura uma grande HQ, não perca este especial!Marcus Ramone

Melhores: O Fantasma – Sempre aos domingos e Recruta Zero – Ano Um, ambos da Opera Graphica, Luluzinha – O clube da Lulu (Devir), O melhor de Hagar, o Horrível # 3 (L&PM), As melhores tiras do Bidu # 1 (Panini) e J. Kendall – Aventuras de uma Criminóloga – Especial # 4 (Mythos)

Pior: Mundo Canibal # 1 (Mythos)

Tomara que, enfim, o leitor brasileiro consiga ler toda a saga de Jack KnightEduardo Nasi

Melhores: O Pequeno Príncipe (Agir), Starman – Volume 1, Superman # 73, Grandes Astros - Superman # 12, DC 70 Anos - Mulher-Maravilha, Homunculus # 4 e Marvel Especial # 10, todos da Panini, e J. Kendall – Aventuras de uma Criminóloga # 48 e J. Kendall – Aventuras de uma Criminóloga – Especial # 4, ambos da Mythos

Pior: Contagem Regressiva # 5 e Wolverine # 38, ambos da Panini

Este mangá é uma das gratas surpresas de 2008Guilherme Kroll Domingues

Melhores: Nausicaä do Vale do Vento - Volume # 3, Adolf # 4 e # 5 e Chibata! - João Cândido e a revolta que abalou o Brasil, todos da Conrad, e Homunculus # 4 (Panini)

Pior: nenhum


Uma das melhores aventuras do alter ego de Tony Stark em todos os temposRicardo Malta Barbeira

Melhores: Os Maiores Clássicos do Homem de Ferro # 1 e Batman # 70 e 71, ambos da Panini, e Authority Apresenta: Kev + A Noite do Demônio (Pixel)

Pior: nenhum



Leandro Robles mandou muito bem nesta HQ independenteZé Oliboni

Melhores: Marvel Especial # 8 – Vingadores – Dinastia M e Os Novos Vingadores # 54, ambos da Panini, Freakangels – Volume 1 (Avatar Press) e Macaco Albino, revista independente de Leandro Robles

Pior: Universo Marvel Anual # 2 – Os livros do Destino (Panini)

Uma pena que este fumetto não tenha emplacado no BrasilDelfin

Melhores: Lazarus Ledd # 1 (Tutatis), Animal # 2 (VHD Diffusion), Signal to Noise (Gollancz), 2024, de Ted Rall (NBM) e O Entricheirado Hans Ribbentrop (Book Editora)

Piores: O Gato do Rabino # 2 – O Malka dos leões (Jorge Zahar) e Grandes Aventuras Animal – O Vira-lata (VHD Diffusion)

Fazia tempo que o Surfista não estrelava uma HQ tão bacanaDiego Figueira

Melhores: Starman – Volume 1, Grandes Astros - Superman # 12 e Surfista Prateado – Réquiem # 1, da Panini, e J. Kendall – Aventuras de uma Criminóloga – Especial # 4 (Mythos)

Pior: nenhum



Uma das melhores histórias de John Constantine, agora num álbum bacanaRonaldo Barata

Melhores: John Constantine - Hellblazer - Hábitos Perigosos, Authority – Transferência de Poder - Completo, Pixel Magazine # 18 e # 21, todos da Pixel, e Turma da Mônica – Coleção Histórica # 5 (Panini)

Pior: nenhum

15 comentários:

Amalio Damas disse...

O que eu achei mais interessante é que dos 11 articulistas, 6 não apontaram nenhum gibi como pior. Vocês estão selecionando bem as leituras. É sempre interessante esta lista porque podemos inferir alguns títulos interessantes para lermos no futuro, espero eu, que não esteja muito distante. Um ótimo 2009 para todos.

Eduardo Nasi disse...

O futuro é agora, Amálio. Desligue o computador e vá ler uns quadrinhos. Feliz 2009.

Asdrubal disse...

Só não concordo com "Os Livros do Destino", que eu achei muito bom. Feliz 2009 galera!

Zé Oliboni disse...

Asdrubal, eu me explico melhor na resenha que deve sair na primeira semana que o site voltar. Tecnimente "Os Livros do Destino" é bom, o roteiro é tecnicamente bem escrito e a arte é bacana, contudo ele é muito chato de se ler! É impressionante como é uma leitura altamente narrativa, com uma história longa demais que se torna desinteressante e cansativa.

No fim se resumiu a isso, eu não achei ruim, mas é chato e cansativo. Confesso que não recomendaria para ninguém, principalmente porque o Brubaker tem trabalhos muito melhores.

Asdrubal disse...

Zé, vou discordar novamente de você. Eu só não o li de uma vez só porque fui impedido por fatores externos, mas a cada capítulo lido eu tinha mais vontade de ler o próximo. E emprestei-o para um amigo que tamém gostou bastante.
Com certeza o Brubaker tem trabalhos melhores, mas esse não é chato, muito pelo contrário.
Mas, enfim, gosto é que nem nariz: cada um tem o seu!
Abraço!

Lucas Pimenta disse...

Não concordo com o gato do Rabino, como pior. Só se for em relação ao que vc leu, ai sim o pior pode ter sido ele. Mais nem de longe trata-se de uma leitura ruim.

E J. Kendall é tão bom, que tá quase em todas as listas.

Abraços

Sidney Gusman disse...

Lucas, também não concordo com O Gato do Rabino dentre os piores, mas é a opinião do Delfin.

E J. Kendall é bom demais!

Abraço

Hunter disse...

Julia é legal, mas eu leio uma edição, acho boa e... Não sinto vontade de ler outra.

Como o Criminal do Ed Brubaker me provoca a mesmíssima reação, imagino que não devo curtir material policial mesmo.

E cadê resenha para todo aquele material europeu, Sidão? Ao menos explica porque não curtiu o Spirou...

Hunter (Pedro Bouça)

daniel oliveira disse...

Ei!, quando as férias de vc acabam?
Sem futebol e sem universohq não dá, pô!!!!!

Eduardo Nasi disse...

Daniel, a paciência é uma virtude. Cultive o desapego enquanto aguarda. Seja feliz e tenha um bom ano.

Sidney Gusman disse...

Hunter, está é faltando tempo pra resenhar tanta coisa legal. Não curti aquele álbum específico do Spirou pela trama, em si. Muito tola e arrastada e com o vilão ficando bonzinho de repente.

Mas adorei O Pequeno Spirou, por exemplo.

Quanto a Júlia, me ocorre justamente o contrário. Quando leio uma, já fico ávido pela próxma. É questão de gosto, mesmo.

Abraço

Lucas Pimenta disse...

Comigo acontece a mesma coisa... leio uma Júlia e fico logo doido pela próxima... que enquanto não chega, releio outras...

Bruno disse...

Muito Bom!

Hunter disse...

Sidão, você devia ler a continuação, "A Sombra do Z", para ver que o vilão não fica bonzinho assim tão facilmente. Também é um álbum mais dinâmico.

Infelizmente não está na coleção da Asa. Vou ver se o consigo por aqui, ele já foi publicado várias vezes em Portugal.

Se for fazer uma resenha, pense com carinho em Sambre. Material excelente TOTALMENTE desconhecido no Brasil.

Um abraço,
Hunter (Pedro Bouça)

João Defunto disse...

Também gostei pra caramba de "Os Livros do Destino", que li quando do lançamento. Li todo de uma vez, pois não conseguia parar.

Uma boa surpresa deste último mês foi o "Disney Big" com suas mais de 300 páginas e histórias bem selecionadas. Deu para matar saudades da época do "Disney Especial".

Tenho gostado de "Contagem Regressiva", mas não posso dizer o mesmo de "Prelúdio Para Crise Final"

O "Mundo Canibal #1" achei horrível.