19 novembro 2008

Coluna atualizada: Chiaroscuro

A coluna desta semana é a Chiaroscuro, de Sérgio Codespoti. E o título é: Como matar sua esposa.

Mas, antes que você comece a ter idéias estranhas, fique sabendo que o texto resgata um filme de 1965, sobre um grande desenhista de tiras de jornal. O que poucos sabem é que a história tem muito a ver com a vida de Alex Raymond, o criador de Flash Gordon.

Então, leia a coluna e depois comente à vontade aqui no blog!

2 comentários:

Asdrubal da Silva disse...

Muito interessante essa história do Alex Raymond. Ele foi um dos melhores desenhistas de tiras e seu trabalho é emblemático. Não sabia de seu trágico fim. Valeu!

Pedro disse...

Só uma coisa, quem idealizou Rip Kirby foi realmente Ward Greene, mas foi Raymond quem definiu seu visual, de modo que ambos podem ser considerados co-criadores, tal e qual Stan Lee e Jack Kirby no Quarteto Fantástico.

Fred Dickinson só entrou na série após a morte de Greene em 1952.

Hunter (Pedro Bouça)